"O que Lénin e Trotsky não atingiram com o fim de conduzir as forças que dormitam no bolchevismo para a vitória final, será obtido através da política mundial da Europa e América." - Rosenberg 1930

quinta-feira, 2 de junho de 2011

a decadência em 27 anos...




passou-se pouco mais de um quarto de século entre a equipa 100% portuguesa e 100% branca do FC Porto que chegou à final da Taça das Taças de 1984 em Basileia, e entre a equipa africana, mestiça, mulata e sul-americana que venceu em Dublin a Liga Europa, chegando-se ao cúmulo de ver no relvado bandeiras da Colômbia, Brasil, Uruguai e até de Cabo-Verde (de um jogador da "selecção nacional"), de todas menos do país...

que me lembre, no plantel de 1984, o único estrangeiro era o Irlandês Mike Walsh que não jogou a final, e dos restantes, o único jogador que não era da região Norte, era o lisboeta Augusto Inácio, que também não jogou a final.
outros tempos...

1 comentário:

Anónimo disse...

thor
o que comemorou 100 anos no porto?
o palco estava islamizado!
abram os olhos!