"O que Lénin e Trotsky não atingiram com o fim de conduzir as forças que dormitam no bolchevismo para a vitória final, será obtido através da política mundial da Europa e América." - Rosenberg 1930

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

as contradições do czar



























o cartaz de uma forma geral não está mau, mas claro que nunca se pode confiar em camaleões.
na blogosfera Nacional-Socialista anglo-saxónica há uns ingénuos que ficaram muito excitados e eufóricos porque julgam que caças israelitas 'fugiram cheios de medo' dos caças russos Sukhoi Su-30. segue no vídeo abaixo, a verdadeira explicação:
video

na minha opinião, o que eles querem é provocar uma guerra na zona, não necessariamente uma guerra 'mundial', mas sim um conflito no Médio-Oriente entre várias potências para destruir e arrasar a Síria de vez. podem contar com uma resposta em força dos jewUSA. don't be naive. e sobretudo, não confiem em camaleões.





















sim, czar Poutine...não haja dúvidas de que o Exército Vermelho salvou outras nações além dos judeus, aliás a humanidade inteira. sem eles, que faríamos nós? os nazis são os maus.


12 comentários:

Gang2 Ervilha disse...

Hoje em dia todos os políticos têm como firme o fado shoático. Praticamente todos, digo. Se formos lá para os lados do Irão não há shoas para ninguém.

Putin não escapa a esses que foram lavados com o sabão da shoa, é um deles. Mas continuando a conversa lá do outro lado, há uns dias atrás ouvi na rádio, um ex-parlametar europeu, dizer que a intervenção da Rússia na Síria era o começo da NOM. Bem, aí pensei logo na nossa conversa. Fiquei pensativo.

As guerras entre os clãs talmúdicos (Loubavitch) da Rússia e os clãs talmúdicos ocidentais, tal e qual como a Máfia Italiana, todos andavam para o mesmo mas por vezes entravam em conflito. É a mesma coisa entre eles. Os USA querem dominar tudo de uma ponta á outra, os russos por seu lado querem ter a parte deles do bolo e querem dominar a Europa, daí ele ter dito, Putin, desejar uma organização de Vladivostok a Lisboa. É mais ou menos assim que se passa, o tal choque, a tal ruptura.

Depois arrebenta a crise ucraniana, um golpe dos judeus americanos em resposta á "rebelião" de Putin. Eu penso que a crise ucraniana não é um golpe combinado entre russos e americanos. Penso ser mesmo uma tacada dos americanos para a Rússia se pôr na linha. A baixa dos preços de petróleo, combinada entre talmudistas árabes e americanos para estrangular a economia russa.

Estes dados, não batem bem certo com um alinhamento russo e os americano-judaicos. Antes do seu discurso, sim a Rússia estava perfeitamente alinhada. Mas lá, algo não bate certo. Continuo a a crer, que por enquanto a Rússia faz barragem ás ambições de Israel de destruir a Síria. E mesmo antes, sempre houve aquele trauma da NATO não ter respeitado os acordos que fez com Gorbachev, sobre o não prolongamento da NATO para lá da zona leste.

Sobre os aviões, houve algo que não passou na imprensa, Putin pôs em guarda Israel sobre as constantes violações do espaço aéreo sírio. Eu vi esta informação no site reseauinternacional.net

Portanto o facto de os aviões israelitas terem sido interceptados pelos caças russos, eu penso que foi uma advertência para Israel não tentar mais violar o céu Sírio, pois agora o céu sírio está sob vigilância.

Já agora, um vídeo dos tempos em que Putin estava bem alinhado com os americanos, logo ao principio é o Pr. Hillard que fala dos conflitos entre os Loubavitch e os outros clãs judeus americanos, há muita e muita coisa a favor de que Putin esteja em acordo com os americanos, mas houve essa tal "ruptura". O vídeo diz que Putin é judeu, embora isso não seja provado. Se vir uma prova de facto que Putin é judeu, admiti-lo-ei logo no segundo a seguir que estava errado. Já me fartei de vasculhar, e não encontro nada que seja uma prova sólida. Mas prontos aqui vai o vídeo, cheio de provas em que Putin deseja (ou desejava, ou talvez ainda deseje mas á maneira dele ?) a NOM, é o melhor vídeo que existe na net a esse respeito, muito bem documentado, o autor do vídeo fez um excelente trabalho de pesquisa e informação:

https://www.youtube.com/watch?v=q_P_-Zorg2w

Thor disse...

é assim, de vez em quando há de facto pequenas intrigas entre judeus e entre blocos judeus, que se não forem fictícias, são pelo menos pouco significativas.
são intrigas que nada nos interessam ou dizem respeito, pois não é por dois blocos judeus lutarem entre si, que algum deles passa a ser 'bom' ou nosso amigo.

os Loubavitch são 'só' a maior máfia da droga a nível mundial, além de violarem, mutilarem e traficarem mulheres e menores.

isso do Poutine ter dito que desejava uma organização de Vladivostok a Lisboa, não sei se foi bem assim. não sei se foi ele, ou se foi outro. acho que isso até começou com o Charles de Gaulle.

seja como for, isso não prova que o gajo seja um dos 'nossos'.
uma organização de Vladivostok a Lisboa, só interessa se for identitária.
se não for identitária e se basear apenas em premissas económicas e de mercado, então não interessa a ninguém, só aos oligarcas. é só mais merda globalizadora.

Putin não é nosso amigo, nunca foi.
eu nunca vi nada dele nesse sentido. nem sei como há tanto nacionalista que algum dia depositou esperança no gajo.

já expliquei que seria impossível (ainda mais num sistema democrático) a Rússia sair do total domínio judeu em que se encontrava, para uma situação em que já não está mais ocupada, só porque aparece um único gajo que é o 'salvador' e que, sozinho e isolado, se infiltra no meio deles todos e se opõe a eles todos, sem que eles façam nada.
obviamente, mas obviamente, excepto para pessoas mesmo infantis e ingénuas, que Putin faz parte da mesma máfia. SEMPRE fez. SEMPRE fará.

aliás, eu creio que a Rússia ainda tem Banco Central Rothschild. ou estarei enganado?

o link desse site que meteste aí não abre. e, seja como for, tens que ter muito cuidado com os sites onde andas a beber informação. tem que ser sempre sites alternativos, e mesmo assim, nem todos são de confiança.
nem mesmo por vezes sites ditos nacionalistas são 100% confiáveis.

por exemplo, o David Duke é confiável em muita coisa, mas não é confiável na 'questão Putin'.
e de uma forma geral, os sites geridos por cristãos, não são confiáveis na questão Putin. seja o Duke, seja o Smoloko, seja o judeu cristão Natanael Kapner, etc

eles são todos bem-intencionados, mas julgam todos estupidamente que o Putin é uma espécie de cruzado cristão que vai 'salvar' a civilização Ocidental e os valores, contra a decadência judaica e etc

mal eles sabem que o Putin só é 'cristão' quando e para o que lhe apetece. ele tanto é cristão, como é marxista às vezes e etc

vê bem onde chega o fanatismo cristão: por exemplo, esse Smoloko na sua ânsia fanática de defender o Putin, lá no seu site chega ao cúmulo de defender como BOA a proibição do Poutine ao 'negacionismo do holocausto', porque julga ele que é uma boa forma de conter os nacionalistas e NS russos que, segundo ele, são TODOS controlados pela cia e mossad sem distinções (até onde chega a distorção, o rídiculo e o exagero)
e só para defender o 'cristão' Putin, começa a inverter tudo e diz que proibir o 'negacionismo' é uma medida anti-sionista e não uma medida sionista. vê bem onde chega o rídiculo do desespero.

por alguma coisa, a esmagadora maioria dos defensores do Putin são cristãos. o próprio Anglin fanático putinista acho que é cristão também...

Thor disse...

"Eu penso que a crise ucraniana não é um golpe combinado entre russos e americanos."


a crise ucraniana já topei há muito tempo mesmo do que se trata.
a crise ucraniana tem simplesmente a ver com isto:

http://antizionismo.blogspot.pt/2015/08/segunda-israel-na-ucrania.html


e é claro que é combinado entre Americanos e Russos, assim como é claro que o cruzado Putin está metido nisso até às orelhas.

escusado é dizer que eu não apoio a 'teoria khazar' a 100%, talvez mesmo nem a 50%.
só que independentemente de eu não acreditar totalmente nessa teoria, os próprios judeus é que pegam nela e a utilizam cinicamente para os seus fins de expansão e roubo de terras.

Gang2 Ervilha disse...

Ah sim, já tinha ouvido essa do golpe de formar um "israel" na Úcrania. Mas não a acho lá muito credível pelo facto deles querem mesmo o território da Palestina e arredores, como conta o talmude e todos os religiosos deles. Eles querem é mesmo governar o mundo a partir de Jerusalém. Não digo que seja uma possível escapatória se algo corre mal nos planos deles. Mas sinceramente não acho muito sustentável essa tese. Porque se algo corresse mal, eles não teriam buraco para onde se esconder e certamente não seria na Úcrania que estariam ao abrigo.

O link que falava é este:

http://journal-neo.org/2015/10/13/america-reels-as-putin-redline-s-israel/

Thor disse...

isso de quererem governar o Mundo a partir de Jerusalém ou de quererem o Levante todo e uma israel maior está tudo correctíssimo.

só com a 'nuance' de que os judeus de 'esquerda' querem a capital fixa em Jerusalém, e os judeus de 'direita' querem rotatividade entre Jerusalém, Nova Iorque, Londres (Rothschilds), etc

mas independentemente disso, para eles quanto mais territórios melhor. a capital não precisa de ficar na Ucrânia/Khazaria, pode estar em Jerusalém, mas existirem duas 'israéis'.

Gang2 Ervilha disse...

https://www.youtube.com/watch?v=zXh6HgJIPHo

7:45- Putin critica um grupo que se apoderou de todos os médias de informação mundiais (para contextualizar, ver os minutos atrás, refere-se a pessoas muito afortunadas), que grupo é esse ? Aqui a meu ver, são os judeus-americanos, ou todos os judeus ocidentais, os Rothschild's, Rochefeller's e lacaios.

8:11- Que esse mesmo grupo, quer impor os seus pontos de vista a todo o mundo, que esse grupo ficou tão poderoso que começou a elaborar políticas nos seus círculos secretos de poder como se devesse ser o ponto de vista do mundo inteiro. ( aqui ele continua a se referir a esse mesmo grupo )

Eu não vou ver isso tudo, mas logo nos primeiros minutos dá para ver que ele critica severamente um certo "grupo de poderosos". E aqui os conflitos entre clãs talmúdicos russos e americano-judaicos começa a fazer sentido.

Não é aqui que ele diz essa de Vladivostok a Lisboa, mas disse-o noutros discursos anteriores e várias vezes:

http://www.bloomberg.com/news/articles/2010-11-25/putin-promotes-trade-zone-from-lisbon-to-vladivostok-update1-

Foi no discurso de Valdai de 2014, que ele criticou abertamente os Estados-Unidos como nunca o tinha feito antes e um certo "grupo poderoso" que deseja tudo dominar. O que se pode dizer é que está aí uma história muito obscura.

Portanto olha que não deve ser assim uma pequena querela entre talmudistas. Está aí um jogo pelo poder mundial, ou pelo menos para terem uma boa parte do bolo e no mínimo têm muitas divergências entre eles mesmos. Querem parte do bolo ou então querem o bolo todo só para eles e mandar os americanos ás favas.

Gang2 Ervilha disse...

Pus-te aí os minutos para ir directo ao assunto em vez de estares a ver o vídeo todo, mas está aqui o discurso transcrito também, é mais rápido que ver o vídeo:

http://www.voltairenet.org/article185864.html

Thor disse...

"Foi no discurso de Valdai de 2014, que ele criticou abertamente os Estados-Unidos como nunca o tinha feito antes e um certo "grupo poderoso" que deseja tudo dominar. O que se pode dizer é que está aí uma história muito obscura.

Portanto olha que não deve ser assim uma pequena querela entre talmudistas. Está aí um jogo pelo poder mundial, ou pelo menos para terem uma boa parte do bolo e no mínimo têm muitas divergências entre eles mesmos. Querem parte do bolo ou então querem o bolo todo só para eles e mandar os americanos ás favas."


isso pouco importa Gang.
pouco importa serem os 'americanos' ou os 'russos' a mandar nisto tudo.
o que importa é que é uma luta em que ganhe quem ganhar, o judeu ganha sempre, pois ele controla ambos os lados e está em ambos os lados.

olha à essência das coisas, ao conteúdo e não à embalagem.
não ligues se a embalagem é uma stars and stripes ou se é uma foice-e-martelo. caga nisso.
não penses nisso.
pensa apenas e só...quem mexe os cordelinhos de um e do outro?

podem não ser exactamente as mesmas pessoas, mas são todas da mesma etnia, têm todas os mesmos interesses, ou seja dominar o maior território possível e dominar o maior número possível de 'goyims'.

Apenas e só isto interessa.
não interessa quem faz de polícia bom ou polícia mau.
não é por detestar o império americano-sionista que vou achar que o lado russo é o 'bom'.

Gang2 Ervilha disse...

Evidentemente. É explicito por esse discurso, e discursos anteriores, que ele deseja uma Ordem Mundial tanto quanto os judio-americanos.

Thor disse...

essa táctica do polícia bom e mau é uma técnica muito utilizada pelos judeus.

dou como exemplo a pseudo-luta entre neocon sionista e marxismo 'anti-sionista'.

um cérebro pouco preparado acha que um dos lados tem forçosamente que ser o 'bom'.
não podem ambos ser maus.

quem tem simpatia por israel, acha que os neocons são sempre os bons.
quem não tem simpatia por israel, facilmente cairá nas garras do marxismo se não estiver intelectualmente preparado.

mas, por incrível que pareça, mais vale ser enganado pelo marxismo do que algum dia sonhar sequer que israel é o 'lado bom' seja de que contenda e cenário for. ou que é algum 'aliado' do Ocidente.
o sionismo militante é PIOR que o comunismo. isso mesmo. PIOR.

isto é a técnica judaica da tese e antítese - o objectivo é sempre captar e dominar sempre o maior número possível de gentios. controlar os descontentes, a oposição.

por isso é que faz falta a Terceira Via, anti-sionista e anti-marxista ao mesmo tempo. matar os dois ao mesmo tempo.

Gang2 Ervilha disse...

O esquema, tese vs antítese só terá solução com a síntese. Daí os conflitos serem criados, por vezes naturalmente, sem que por tanto, um dos dois esteja a ser manipulado (temos o caso de Hitler, pela força das circunstâncias), virá sempre alguém, os mesmos que criam os conflitos, que chegam com a solução miraculosa.

No entanto, os cristãos e todos os sírios, entre a espada e a parede face aos Daesh's e bandas afins, ao menos vêm as coisas com mais clareza. Porque estes grupos são todos pilotados por Israel. Rasam e matam tudo o que aparece á frente. Violam crianças unicamente pelo facto de serem cristãs, chiitas ou outros grupos religiosos. Neste aspecto Putin tá-lhes a limpar o sarampo.

Sabemos que não é nenhum santo, mas se olharmos para o sofrimento que os sírios já passaram á pala da escumalha judio-americana, neste momento podem respirar com um pouco de alívio e mesmo atacar em força.

O que é que se vai passar depois ou durante ? Vamos a ver, estou convencido que dali vai nascer uma guerra ainda maior. Se atentarmos aos talmudo-cabalisticos, na história deles, ou profecias, é quando a Rússia virá salvar a Síria que algo se vai passar. Isto é tudo pilotado. Talvez sem que mesmo Putin se renda conta.

Os judeus forçam os eventos para cumprirem as suas próprias profecias que eles mesmo fizeram. É como se dissesses que tal carro iria faltar a gasolina em tal dia a tal hora num tal local, e nesse dito dia metesses uma pequena gota de gasolina nesse tal carro e o dirigisses para o tal local a tal hora "profetizado" por ti dias antes. As "profecias" deles são assim. O judeu é tão aldrabão e enganador que cumpre o que ele próprio disse anos antes e no fim crê que a profecia concretizou-se graças aos céus. E depois vem contar ao Goy que o deus deles é o mais forte, porque tal profecia concretizou-se. Uma centena de Goys cai na rasteira, ajoelha-se e diz: vocês são verdadeiramente o "povo eleito", os "escolhidos".

Gang2 Ervilha disse...

Olha só para estas informações :

http://www.globalresearch.ca/boots-on-the-ground-inside-syria-the-pentagon-comes-to-the-rescue-of-the-islamic-state-isis/5485183

Continuo a manter que dali vai sair, de certeza absoluta a 3ª guerra mundial. Os judeus estão a impulsionar os americanos de maneira a provocar a Rússia. Não haveria nada melhor para eles que os yankes e russos se destruam um ao outro. Isto vai implicar muitas nações de um lado e doutro. Se eles põem oficialmente as patas na Síria, fica certo que a guerra está próxima.