"O que Lénin e Trotsky não atingiram com o fim de conduzir as forças que dormitam no bolchevismo para a vitória final, será obtido através da política mundial da Europa e América." - Rosenberg 1930

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

selecção de afrogal...











não sei, sinceramente, o que é que representa este grupo de bons rapazes.  sei, no entanto algo.  sei que 4 brasileiros, um cabo-verdiano, um zairense, um negro nascido em Portugal, um filho de negro brasileiro nascido em Portugal e ainda um Madeirense mestiço jamais me representarão a mim, por muitos golos que marquem, por mais bem que joguem, por muitos campeonatos do Mundo que ganhem, etc
mas se o "povo" se sente representado e delegado neste grupo de "jovens", quem sou eu para contrariar.
o "povo" já nem vê nada, já não sabe o que é identidade, nem se importa que a "equipa" do seu país, seja uma espécie de refugo do Brasil (Brasil B) que contrata (sim, é o termo) aqueles que querem jogar aqui, porque não têm lugar na equipa principal brasileira...
se o "povo" não se importa que a selecção do seu país seja o clubito da FPF e dos mercenários, completamente descaracterizada, desde que marquem golos, então óptimo.
eu estou fora.  não faço parte dos que se emocionam com o hino, ou com a bandeira, ou dos que ficam "magoados" e "irritados" quando um dinamarquês (Tomasson) diz duras verdades...para quem não sabe, Tomasson limitou-se a dizer a verdade, ou seja, que Portugal foi ao Brasil "comprar" Liedson, o que provocou uma reacção em cadeia dos patrioteiros "sentimentalistas" muito, muito magoados, a começar pelo seleccionador nacional ou pelo corrupto Merdaíl.
não quero saber se a "selecção" da FPF fala ou não fala português, se são "lusófonos", etc, etc, isso a mim não me diz nada. eu tenho infinitamente mais a ver, por exemplo, com a selecção bósnia do que com afrogal. 
e nem o facto de haver muitos muçulmanos na Bósnia vale alguma coisa contra este veredicto, porque a origem étnica dos Bósnios, e a composição etno-racial da sua selecção, é claramente Europeia. ou seja, a selecção Bósnia tem mais afinidade comigo do que a selecção de Afrogal...

3 comentários:

Vera disse...

Epá o Ronaldo ficou cá com um ar de avestruz...LOL

Thor disse...

parabéns ao Brasil B. pelo menos, não foi um brasileiro ou negro quem decidiu a partida...

claro que a Irlanda tinha de ser escandalosamente roubada, para ver se os negros "franceses" iam jogar o Mundial no seu próprio continente.

que eu saiba, futebol é com os pés e a cabeça, não com a mão.

enfim, vergonha.

Anónimo disse...

"claro que a Irlanda tinha de ser escandalosamente roubada, para ver se os negros "franceses" iam jogar o Mundial no seu próprio continente."

Isso tem mais a ver com a guerra contra o Platini do que com os aspectos raciais. Portista detectado. Vai-te esconder... ;-)