"O que Lénin e Trotsky não atingiram com o fim de conduzir as forças que dormitam no bolchevismo para a vitória final, será obtido através da política mundial da Europa e América." - Rosenberg 1930

quinta-feira, 17 de março de 2011

dois pesos duas medidas

PJ lança caça ao homem

Branco, magro, alto, entre 1,75 a 1,85 metros. Na noite de sexta-feira, pelas 20h00, quando fugia a pé da rua César Oliveira, em Telheiras, Lisboa, levava vestido um casaco verde ou cinzento, calças de ganga, capuz na cabeça e um saco preto nas mãos. Tinha acabado de disparar três tiros sobre Marius Pereira, atingindo a vítima, 61 anos, com uma bala na cabeça. Supostamente para lhe roubar o carro, Mercedes.

FONTE

reparem no "bold" logo na primeira palavra. afinal a raça sempre interessa. mas só "às vezes". se a origem étnica fosse outra, a terminologia seria, muito provavelmente, "jovem". dois pesos, duas medidas.

3 comentários:

Anónimo disse...

http://starlounge.pt.msn.com/index.cfm?objectid=111956

Vejam a página para verem as misturas de algumas celebridades.
E vejam logo a propaganda "E a verdade é que também é isso que dá um toque exótico aos artistas que brilham nos ecrãs."
Claro que quando são nativos europeus, aí já não dizem que é essa pureza que dá aquele ar belo. Enfim propaganda...

Na Jessica Szohr ja nao se ve o sangue africano
E o mulato Jesse Williams é metade sueco, que desperdicio, que desperdicio uma sueca fazer um filho mulato. Ainda por cima nos tempos que correm, extinçao...
Na Angelina Jolie nao falaram da mistura negra..
E a Shakira meteu piada quando disse que só uma minoria muçulmana era terrorista hehe


Meto aqui algumas descrições:
"
Mariah Carey
"Neste país [EUA], sou negra. Isto pelo menos de acordo com uma lei que existe desde os tempos da escravatura: 'Pouco importa a percentagem de sangue africano que se tem, se existe, então é negro'. A minha mãe é irlandesa. Ela adora a Irlanda. E o meu pai é negro. Cresceu no Harlem. E a avó do meu pai - ou seja a minha bisavó - é venezuelana, revelou Mariah Carey



Angelina Jolie
Considerada uma das mulheres mais sexy do planeta, Angelina Jolie conta com raízes eslovacas por parte do pai. Originalmente, o apelido da família paterna, Voight, era Voytka, um nome que o seu avô mudou. Quanto à mãe de Angelina, tinha raízes canadianas, francesas e holandesas.


Wentworth Miller, estrela de "Prison Break", é filho de um afro-americano e de uma mãe russa. Uma mestiçagem tão subtil que já lhe valeu alguns momentos delicados. "Por vezes, sou vítima de racismo mas indirectamente: já me aconteceu encontrar-me com um grupo de amigos brancos e eles fazerem um comentário que eu jamais ousaria fazer em casa", confessou o actor


Natalie Portman Hershlag é o nome verdadeiro da actriz. Mais uma exemplo de uma bela mistura. A vencedora do Óscar deste ano para Melhor Actriz foi educada na tradição judaica, rodeada pelos seus avós, que da parte do pai são polacos e romenos, e da parte da mãe são austríacos e russos.

Toda a gente sabe que Shakira Isabel Mebarak Ripoll vem da Colômbia, apesar de também ter origens espanholas e italianas. O pai é libanês. Uma herança oriental que a cantora quer preservar. "Muitos dos meus movimentos de dança vêm da cultura árabe. É importante esclarecer que só uma minoria do Médio Oriente é violenta. Custa-me muito ver que as pessoas têm tendência a generalizar",


Jessica Szohr, da série "Gossip Girl", tem origens húngaras, mas não se fica por aqui. Também conta com uma herança anglo-americana e africana.


Jesse Williams, o Dr. Jackson Avery de "Anatomia de Grey", deve os seus belos olhos à mãe, que é sueca.

Na Jessica Szohr ja nao se ve o sangue africano
E o mulato Jesse Williams é metade sueco, que desperdicio, que desperdicio uma sueca fazer um filho mulato. Ainda por cima nos tempos que correm, extinçao...
"

Anónimo disse...

"Na Jessica Szohr ja nao se ve o sangue africano"

vê-se

http://static.tvfanatic.com/images/gallery/jessica-szohr-yearbook-photo.jpg

Anónimo disse...

"Meto aqui algumas descrições:
"
Mariah Carey
"Neste país [EUA], sou negra. Isto pelo menos de acordo com uma lei que existe desde os tempos da escravatura: 'Pouco importa a percentagem de sangue africano que se tem, se existe, então é negro'. A minha mãe é irlandesa. Ela adora a Irlanda. E o meu pai é negro. Cresceu no Harlem. E a avó do meu pai - ou seja a minha bisavó - é venezuelana, revelou Mariah Carey"


também se nota